Ransomware e Outras Ameaças

Você já ouviu falar de Ransomware? Não !?

Então imagine um software que furtivamente criptografa importantes pastas e arquivos de seu computador ou tablet.

E que além disto solicita o pagamento de um valor (geralmente acima de U$ 500) para liberar as informações criptografadas!

Imaginou este pesadelo? Pois bem, isto é um Ransomware, onde “Ransom” significa “Resgate”.

Mas fique tranquilo, uma vez que o BITDEFENDER pode proteger sua Empresa e sua Casa das variações de Ransomwares (WannaCry, UIWIX, …), bem como outros Malwares.

Antiransonware com BITDEFENDER

Antivírus tradicionais se baseiam principalmente na identificação de malwares por suas assinaturas.

Este método, embora confiável, só funciona com uma ótima frequência de atualizações e mesmo assim é bastante falho e ultrapassado.

Isso devido a constante mutação de diversos tipos de malwares e a enorme quantidade de Zero Day Malwares, (vírus de primeiro dia) criados diariamente.

Essas duas variantes são impossíveis de serem detectadas pelo banco de dados de assinaturas uma vez que não são conhecidos previamente.

No BITDEFENDER o Banco de dados de assinaturas é somente a primeira linha de defesa. Ela vai pegar somente vírus conhecidos e que não sofreram mutações.

O BITDEFENDER possui ao total 5 camadas de proteção, sendo o banco de dados e mais 4 camadas:
– B-Have (camada de análise heurística comportamental)
– ATC, Active Threat Control (controle ativo de ameaças em tempo real)
– Anti-exploit (proteção para vulnerabilidade de outros softwares).
– AntiRansomware (ferramenta criada exclusivamente para varredura de processos que envolvem tentativas de encriptação de pastas).

O módulo B-Have trata a detecção como se fossemos identificar um criminoso por seu comportamento e não por sua impressão digital (“banco de dados” de assinatura).

Se o suspeito age como um ladrão provavelmente ele é ladrão. Assim como um programa de computador que atua como um programa malicioso, provavelmente, é um programa malicioso.

O B-HAVE age em um ambiente seguro (micro hiper-visor, ou sandbox). Automaticamente o arquivo suspeito é aberto em uma “maquina virtual” dentro do ambiente do Antivírus e sem acesso às funções e ambiente de uso do PC e é estudado antes de ser liberado.

O comportamento do vírus é monitorado antes de permitir o acesso do arquivo ao sistema.

O ATC, Active Threat Control atua como a terceira camada de proteção. Esta funcionalidade trabalha com um monitoramento geral de arquivos utilizando heurística para determinar possíveis malwares.

Claro que os malwares inteligentes vão se camuflar para se comportar como benigno. Assim passarão no banco de assinaturas, talvez passe na Sandbox (BHAVE) mas a checagem do ATC é mais profunda e as chances de passar um arquivo malicioso são bem menores, pois caso um programa tenha se camuflado, ele será pego quando finalmente começar a trabalhar (pode ficar semanas em observação).

O Anti-exploit atua fazendo a proteção de vulnerabilidades de outros softwares. Ou seja, qualquer software malicioso que tentar fazer ataques direcionados a softwares de uso com algum tipo de vulnerabilidade no sistema serão finalizados pelo Bitdefender.

Além destas 4 camadas, a BITDEFENDER acaba de lançar uma função especifica contra Ransomware chamada AntiRansomware. Esta camada esta embutida na solução corporativa.

BITFENDER Contra Ransomware

Conheça gratuitamente o BITDEFENDER contra Ransomware clicando aqui!

Infográfico Ransomware

 

Clique aqui e proteja sua Empresa!

 

Aprenda, Passo a Passo, Como Manter os Computadores e a Internet em Alta Disponibilidade Com o PRTG NetWork Monitor!

Nilo Guimarães

Nilo Guimarães é um entusiasta de Tecnologia e Empreendedorismo! Há mais de 20 anos ajuda profissionais de Engenharia Mecânica e TI a alcançarem suas metas e resultados. É Engenheiro Mecânico Pós-Graduado em Automação Industrial.

Website: http://MonitorarRede.com.br

  • Ransonware é a Ameaça Digital Mais Danosa da Atualidade!